SEMANA SANTA NA ARQUIDIOCESE DE GOIÂNIA
A Arquidiocese de Goiânia realiza intensa programação em todas as paróquias de Goiânia e dos outros 26 municípios de sua abrangência. Esta semana é considerada a mais importante para o catolicismo e celebra a Paixão de Cristo, sua Morte e a Ressurreição.
As celebrações ocorrem do Domingo de Ramos, dia 28 de março, ao Domingo de Páscoa, dia 4 de abril. Neste ano, a Coordenação Pastoral elaborou um livreto para o acompanhamento das celebrações pelos fiéis. O livreto é composto de 112 páginas e tem a tiragem de 70 mil exemplares.
Anúncios

Oração em Louvor à bondade de Deus Altíssimo
“Não a nós, Javé, não a nós, mas ao teu nome da glória” (Sl 115,1). Só vós sois bom Senhor, todos progressos que ocorrem dentro ou fora da Igreja são atributos vossos. Nossa sabedoria não consegue perscrutar quão infinita é a vossa misericórdia na prática do bem. Toda dádiva que desce do céu, não pode ser atribuído aos meus esforços religiosos, orgulhosos são aqueles (as) que pensam que por suas forças promovem o bem na terra. Dai-me Senhor a graça de ser um dos construtores do Sumo Bem na minha casa, na minha Igreja, no meu trabalho enfim onde eu estiver. Em outras palavras, que eu possa ajudar a construir o teu Reino aqui na terra, que o vosso Filho Jesus, já inaugurou na Plenitude do Tempo, amém. Maria Santíssima e Mãe de Deus e nossa, rogai por nós que recorremos a vós.
Por: Wander Venerio C. de Freitas.

O INDIVIDUALISMO SOCIAL E CRISTÃO
Convido a todos os leitores do meu blog a pensar e refletir acerca do individualismo social  e cristão presente em nossa sociedade e pior nas Igrejas. Que pena que os homens a cada dia tem ingerido esse pobre “alimento”. Somos criados para viver em comunidade e não fora dela, não isolados como ilhas, “Pois, em um só Espírito, todos nós fomos batizados em um corpo, quer judeus, quer gregos, quer escravos, quer livres. E a todos nós foi dado beber de um só Espírito” (1 Co 12.13). Não podemos romper nossas relações sociais em detrimento de desculpas esfarrapadas criadas para justificar o individualismo que desejamos ficar, por isso São Paulo nos exorta: “Ninguém busque o seu próprio interesse, e sim o de outrem” (1 Cor 10.24). Deus é Trindade e Jesus é a cabeça da Igreja e quem quer ser de Deus não pode viver fora da Comunidade.
Por: Wander Venerio C. de Freitas.

Sagração de D. Waldemar será transmitida para todo o Brasil
Nesta sexta-feira, dia 19, a Arquidiocese de Goiânia viverá um momento de especial, com a sagração episcopal do monsenhor Waldemar Passini Dalbello, às 19 horas, no Santuário-Basílica do Divino Pai Eterno, em Trindade. A celebração será transmitida para todo país pela Rede Aparecida e Rede Católica de Rádio, e localmente pela UCG–TV e Rádio Difusora. O novo bispo será acolhido na Basílica às 18h30. O bispo sagrante será arcebispo metropolitano Dom Washington Cruz. A celebração terá ainda a presença de outros bispos, outras autoridades eclesiais e civis. A primeira missa presidida pelo novo bispo será no dia 20 de março, às 18 horas, na Catedral Metropolitana.

Conheça o Brasão do Bispo Auxiliar

* Descrição Heráldica
Escudo : Cortado. O primeiro campo, azul, com três círculos de ouro entrelaçados, dispostos em triângulo com vértice para baixo. Este conjunto de círculos ilumina o campo azul com seis raios dourados, sendo três raios postos à direita e três raios à esquerda, direcionados para os lados e para baixo.
O segundo campo, vermelho, é alcançado em sua profundidade pela flor-de-lis. Dela emerge a haste da Cruz como pétala central, também de ouro. A Cruz se destaca no centro do escudo, tendo os braços firmados no campo azul.
Insígnias: Chapéu prelatício de verde, forrado de vermelho, do qual pendem, por cordões, três fileiras de borlas, de cada lado do escudo, sendo tudo em verde.
Lema: Congregare in unum – Para congregar na unidade (Jo 11,52).
* Comentário Simbólico
Os campos do escudo indicam o mistério da salvação da humanidade pela comunicação do Deus Uno-Trino.
O azul é o plano transcendental e eterno. O plano da vida temporária com suas dificuldades está representado no campo vermelho. Eles não se misturam, mas se assumem plenamente no mistério da encarnação do Verbo divino, uma decisão do Amor Eterno, preparada no tempo desde a criação, passando por Abraão, Moisés e os profetas de Israel (os raios que exprimem o amor salvífico em comunicação).
No primeiro campo, os três círculos aludem ao Mistério do Deus Uno e Trino, a Santíssima Trindade. Na plenitude dos tempos, o Verbo vem habitar no meio de nós, conunicando-nos a graça e a verdade. Ele é Jesus, concebido pelo poder do Espírito Santo no seio virginal de Maria Santíssima, a flor-de-lis, filha de Israel e filha da humanidade. A vida e ministério de Jesus, o Cristo, ordenados a resgatar o homem da divisão do pecado e conceder-lhe a filiação divina, encontra-se anunciada na Cruz, principal emblema do cristianismo.
A Igreja, que tem Maria como tipo, peregrina confiante na história, como sacramento universal da salvação. Seguindo o exemplo do “sim” de Maria, Estrela da Evangelização, parte pelo mundo inteiro a cada dia, anunciando o poder do Amor-Crucificado. A Igreja, Corpo Místico de Cristo, de braços abertos na Cruz redentora, convida à comunhão e comunica o que é de Deus aos homens de todas as raças e línguas, a unidade da Santíssima Trindade.
Dom Waldemar é convidado a gerar, pelo exercício do ministério episcopal, o desejo e a busca contínua da unidade entre irmãos e irmãs, pela comunhão com Deus.

Programação Luz da Vida na TV – Canal 32
 

Segunda a Sexta

 
00h00 às 02h00 – Reprise “A oração é nossa força” com Pe. Luiz Augusto
05h00 às 06h00 – Terço Mariano
06h00 às 06h30 – Ângelus, Santo do Dia e Lectio Divina
06h30 às 07h00 – 2ª feira – Alma do Negócio com Ari Júnior
                             3ª feira – Mais pode a graça de Deus com Francisco Júnior
                             4ª feira – Saúde na Luz com Wanessa Lôbo
                             5ª feira – Rezando em família com Roberto Ricardo
                             6ª feira – Iluminando a Fé


10h00 às 12h00 – A oração é nossa força com Pe. Luiz Augusto
18h00 às 18h30 – Ângelus, Santo do Dia e Lectio Divina
18h30 às 19h30 – Portal do Esporte
21h00 às 21h30 – Novena da Sagrada Família com Pe. Luiz Augusto
21h30 às 23h30 – Nova unção com Luiz Antônio, Padre Anacleto e Caíza
23h30 às 00h00 – 2ª feira – Alma do Negócio com Ari Júnior
                             3ª feira – Mais pode a graça de Deus com Francisco Júnior
                             4ª feira – Saúde na Luz com Wanessa Lôbo
                             5ª feira – Rezando em família com Roberto Ricardo
                             6ª feira – Iluminando a Fé
Sábado
 
00h00 às 02h00 – Reprise “Família do Céu”
05h00 às 06h00 – Terço Mariano
06h00 às 06h30 – Ângelus, Santo do Dia e Lectio Divina
10h00 às 12h00 – Família do Céu
18h00 às 18h30 – Ângelus, Santo do Dia e Lectio Divina
18h30 às 19h00 – Novena da Sagrada Família com Pe. Luiz Augusto
21h00 às 23h00 – Ritmo Cristão com Vanderlei
23h00 às 00h00 – Luz da Vida Hits
 
Domingo

00h00 às 02h00 – Reprise “Nova Unção”
05h00 às 06h00 – Terço Mariano
06h00 às 06h30 – Ângelus, Santo do Dia e Lectio Divina
06h30 às 07h00 – Iluminando a Fé
08h00 às 09h30 – Santa missa
09h30 às 10h00 – Mais pode a graça
11h00 às 11h30 – Alma do Negócio
18h00 às 18h30 – Ângelus, Santo do Dia e Lectio Divina
18h30 às 19h30 – Novena da Sagrada Família com Pe. Luiz Augusto
21h00 às 23h00 – Portal do Esporte

Por: http://www.luzdavida.org.br

Oração em agradecimento pela misericórdia de Deus
“Meu pai, pequei contra o céu e contra ti; já não sou digno de ser chamado teu filho” (Lc 15,18-19).
Ó Bom Deus quantas vezes tive a presunção de achar que não era digno de ser teu filho. Quanto orgulho da minha parte pensar que sou o meu próprio juiz, de negar a vossa misericórdia por mim no Sagrado Madeiro (Cruz). De esquecer que na parábola do Filho Pródigo (Lc 15,11-31), o Pai, ao avistar o filho degenerado pelo orgulho, movido de compaixão, correu ao seu encontro, lançou-se ao seu pescoço e o beijou. Grande amor foi o gesto do Pai ao acolher o seu Filho, não olhando para seus erros ou pecados, mas pelo contrário, fez festa por ter seu filho de volta ao lar. Misericordioso és tu Senhor Deus Altíssimo, por nos amar incondicionalmente sem, portanto depender de obras humanas para tal ato. Bendito sejais vós para sempre, amém.
Por: Wander V. Cardoso de Freitas.